Comentários

(38)
Andrey Fagundes, Advogado
Andrey Fagundes
Comentário · há 7 meses
Esqueça de gente mesquinha e ignorante como o Gilberto Bertolo (tanto moralmente, quanto intelectualmente, pois ele feriu de morte o Direito).

Primeiro que estamos falando de direito indisponível, meu caro. É direito seu obrigar seu verdadeiro pai biológico a reconhecê-lo como filho! Não há discussão quanto essa questão, é teratológico qualquer imbecil falar que, de alguma forma, você estaria agindo de forma errada. O que o Gilberto disse foi de tantas formas errado e torpe que não consigo palavras para melhor configurá-lo.

Segundo que, se seu pai, biológico, foge da obrigação de te reconhecer como filho, tem mesmo de cair em cima e fazer valer o seu direito. Não existe direito absoluto a ser babaca, a colocar filho no mundo e largar de mão depois. É um tanto quanto absurdo, não, é teratológico, alguém como o Gilberto dizer que "ninguém é obrigado a nada". Primeiro que, sim, por estarmos numa Estado Democrático de Direito somos obrigados a muita coisa e, dentro disso, insere-se a pessoa que tem um filho e, então, é obrigada a assumi-lo. Se há alguma coisa a qual a pessoa não é obrigada é a fazer filho, como ele fez (o pai biológico, por óbvio), então, ele passou a ter muitas obrigações sim!

Respondendo de forma direta a sua pergunta, já que você não possui condições financeiras, vá a Defensoria e requeria a propositura de ação de reconhecimento de paternidade. Será rápido, pois você já tem os dados (qualificação e endereço) do seu pai biológico, além da prova contundente.
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

Outros advogados em Niterói (RJ)

Carregando

Andrey Fagundes

Entrar em contato